Carrinho

0,00 €

Não existem produtos no carrinho

Paypal Contra Reembolso Transferência Bancária Levantamento nas instalações

Categorias

Newsletter

Inscreva-se na nossa newsletter para receber todas as novidades no seu e-mail.


Páginas

Stolen Byrds - Tokyo - Lisboa [29 de novembro]

5,00 €

   

IVA incluído

  • Stolen Byrds - Tokyo - Lisboa [29 de novembro]


“IN MY HEAD”, O ROCK DOS STOLEN BYRDS CHEGOU

Os Stolen Byrds têm o Rock na alma e comprovam-no com o single “In My Head”, primeiro excerto do mais recente álbum da banda, “2019”.

Oriundos do Estado do Paraná, no Brasil, os Stolen Byrds têm o seu espaço bem demarcado na cena independente brasileira. A sua identidade musical vincada, inspirada no Hard Rock da década de 70, no Rock e Stoner Rock mas também no Blues, está presente em “In My Head”, onde confluem com força e densidade.

A banda do Paraná tem dividido palcos com nomes do calibre de Sepultura, Cachorro Grande ou Casa das Máquinas e, em breve, estarão em Portugal para apresentar ao vivo o seu mais recente trabalho.

De 2012 para cá, ano da sua formação no estado do Paraná no Brasil, os Stolen Byrds têm sido fiéis ao Rock com R grande. Aliás, no seu estilo é fácil reconhecer os sons do Blues e do Hard Rock da década de 70.

 

Cedo marcaram o seu espaço na cena independente brasileira, reforçado pela edição do primeiro álbum, “Gipsy Solution”, corria o ano de 2014. A evolução natural levou-os a acrescentar elementos de Stoner Rock e Psicadélico, resultando num som mais enérgico e denso, destacado no segundo trabalho homónimo da banda, “Stolen Byrds”, lançado já em 2016.

 

Convidados a atuar em diversas salas e festivais do Brasil, chegam a partilhar o palco com nomes de relevo, encabeçados por Sepultura, ou ainda Casa das Máquinas, Macaco Bong, Nevilton, Wander Wildner, Criolo, Cachorro Grande, Muñoz, Autoramas, Motorocker, Corona Kings, Water Rats, Riviera Gaz, Camarones Orquestra Guitarrística…

 

Com o Rock à flor da pele, os seus concertos são vistos como uma viagem astral eletrizante, que leva o público ao rubro, pois a banda pretende que cada concerto seja um momento único e inesquecível.

 

Muito recentemente editaram o seu terceiro álbum, intitulado “2019”, um trabalho mais pesado e visceral, mas principalmente, mais maduro. Nele, a banda não se limita a seguir o caminho até então traçado, investindo na integração em novos elementos para reforçar uma sonoridade muito própria e identificativa.

 

Os Stolen Byrds têm o Rock na alma e é o que Edwardes Neto (voz), João Olivieri (guitarra solo), Guz Oliveira (guitarra base), A.J. Filho (baixo) e Bruno Abreu (bateria) vêm provar na tour que farão em Portugal com início em finais de novembro deste ano.